A que temperatura o Sol pode chegar?

Para produzir tanta luz e calor, o Sol deve atingir temperaturas altíssimas, não é verdade? Mas até que temperatura esse calor pode chegar? Será que existem estrelas mais quentes que o Sol? Será que a superfície dele tem a mesma temperatura que o seu centro? O Mateus, que tem nove anos e mora em Belo Horizonte, nos deixou a questão. Quem nos dá algumas informações do ponto de vista científico sobre o assunto é o astrônomo e ex-professor do curso de Física da UFMG, Domingos Soares. Veja o que ele disse:

“Para falar da temperatura do Sol precisamos aprender a falar sobre as temperaturas de maneira geral. Precisamos, na verdade, de uma espécie de ‘régua’, que possua uma ‘escala de temperatura’. Uma ‘régua’ de temperatura chama-se ‘termômetro’.

Existem várias escalas de temperaturas na ciência. Uma delas, que usamos muito na vida diária, é chamada de escala centígrada (medida em cem unidades) ou Celsius, em homenagem ao cientista sueco Anders Celsius, que ajudou a criá-la no século XVIII.

Na escala Celsius, chamamos de zero grau a temperatura do gelo de água e de cem graus a temperatura da água fervente. Nesta escala, por exemplo, a temperatura de nosso corpo é de quase 37 graus. Então, a temperatura é uma maneira científica de falar a quentura ou a frieza de qualquer corpo, inclusive do Sol e de todas as outras estrelas.

As estrelas são coloridas e medimos a temperatura delas pela sua cor. Usamos então um termômetro de cores. A nossa estrela, o Sol, é amarelo, como bem sabemos. Existem também estrelas alaranjadas, verdes e azuis. Numa noite bastante escura podemos perceber as cores do céu!

Por exemplo: já reparou que a chama de uma vela é avermelhada e a chama de um fogão a gás é azulada? Elas também têm temperaturas diferentes. A chama da vela tem uma temperatura menor do que a chama azul do fogão. Assim também acontece com as estrelas. Uma estrela azulada é mais quente que uma estrela amarelada ou avermelhada.

A temperatura do Sol, uma estrela amarela, é de quase 6.000 graus Celsius! Mas, atenção: a parte colorida das estrelas é a parte que podemos ver no céu. A parte de dentro é milhares de vezes mais quente, mas não podemos vê-la.

Concluindo: se o Sol fosse menor e mais frio nós o veríamos avermelhado, e se ele fosse maior e mais quente nós o veríamos azulado!”. Legal, né? Quer saber mais? Então dê uma olhada nas perguntas aí ao lado!

10 thoughts on “A que temperatura o Sol pode chegar?

    1. Oi Amilton, ainda respondendo
      : somos da UFMG, uma instituição pública. Este site é parte do trabalho de alunos e professores que são pagos pelo governo. Por isso não sabemos exatamente quanto custa ter um site desses

  1. Eu só tenho a agradecer pela oportunidade de desfrutar de um conteúdo tão rico, com linguagem acessível para que as nossas crianças´possam desfrutar daquilo que elas têm de melhor: a sua curiosidade diante do mundo que as cerca! Meus alunos amarão esse texto, sem dúvidas! Parabéns!

  2. Podemos dizer que ela já foi um tipo de bola de fogo a milhões de anos atrás ela era composta principalmente de magma e antes ela chegava a aproximadamente 1.200 graus celcius e ao invés de oceanos de água era de lava! Essa é minha teoria

  3. Não há estrelas verdes, apesar de o Sol emitir mais luz na frequência do verde.
    A quantidade de luz solar (energia) de diferentes cores (verde, amarela, azul, vermelha) são emitidas quase na mesma quantidade, por isso vemos o Sol branco e não amarelo.
    Ele parece amarelo ou laranja ou vermelho, devido à absorção e ao espalhamento de cores (comprimentos de onda) pela atmosfera terrestre, dependendo da altura do Sol no céu.
    O Sol anã amarela é uma categoria devida ao seu diâmetro e à sua temperatura superficial, e não à sua cor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *