O que é feito com a comida que vai para o estômago?

O Carlos, que mora na Serra do Cipó nos deixou a seguinte pergunta: O que é feito com a comida que vai para o estômago? Interessante, não é? Depois que comemos o que acontece com esse alimento que ingerimos? A Denise Perez, aluna de medicina da UFMG, nos dá uma ideia do acontece:

“A comida percorre um longo caminho pelo nosso corpo. Primeiro a gente mastiga bem e deixa a comida bem molhadinha com a saliva (cuspe). A saliva já tem algumas substâncias, chamadas enzimas, que ajudam a gente a digerir, ou seja, quebrar a comida em pedaços menores.

Passando pela boca a comida cai num tubo chamado esôfago e aí sim ela chega ao estômago, que é um lugar parecido com um saquinho. Ele produz algumas substâncias, que também são enzimas, que quebram o alimento (as proteínas, os carboidratos) em moléculas ainda menores. Isso é o que a gente chama de digestão: a quebra dos alimentos em substâncias pequenas.

Depois elas vão para o intestino, um tubo mais fino e longo. No intestino, essas substâncias pequenas ficam menores ainda. Mas que substâncias são essas? Nós podemos falar que no estômago e no intestino, o pão que você comeu se chama carboidrato, o bife se chama proteína e a margarina se chama lipídeo. Então, essas substâncias pequenas, que resultaram da quebra dos carboidratos, das proteínas e dos lipídeos, passam pela parede do intestino, entram nos vasos sanguíneos e, viajando através do sangue, essas substâncias alcançam as células de todo o seu corpo, dando energia para você andar, correr e brincar.

Mas nem tudo que chega ao intestino vai para o sangue. O resto, (aquilo que seu corpo não irá precisar mais) acaba virando fezes, também conhecida como cocô!”

Um longo e interessante caminho, não é mesmo?

Ilustração: Dazy

6 thoughts on “O que é feito com a comida que vai para o estômago?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *