Por que as pessoas envelhecem?

Já viu algum filme em que o personagem principal encontra a fonte da juventude? Será que ia mesmo ser legal se a gente não envelhecesse? Bom, já que a fonte da juventude ainda não foi descoberta, por que a gente envelhece? Fernanda Gregory, aluna de Medicina da UFMG, nos dá algumas dicas sobre como isso acontece. O Sérgio e o Jorge Austo de Cardeal Mota perguntaram isso para a gente.

“Os cientistas propõem várias idéias para explicar o envelhecimento.

O nosso corpo é formado por muitas e muitas células. E o bom funcionamento do organismo depende, dentre outras coisas, do bom funcionamento das células – das células nervosas, das células que formam o músculo do coração… E durante o envelhecimento, acontecem algumas alterações nessas células – algumas se dividem mais devagar, outras mais rápido, de forma descontrolada, como no câncer e outras passam a não trabalhar tão bem quanto antes. Com isso, várias alterações acontecem dentro e fora do seu corpo: você passa a ter que usar óculos para ler, sua pele fica mais seca e menos elástica e aparecem as rugas.

Agora existem outras teorias ou outras idéias para explicar porque envelhecemos. Esta é apenas uma delas.

Mas para que a gente envelheça mais devagar, é importante ter uma vida saudável. Ter uma boa alimentação, comer todas as frutas e verduras, devemos praticar atividades físicas, devemos ter muito cuidado com o sol, lembrando sempre do protetor solar e de sempre evitar a exposição no horário em que o sol é mais forte e uma coisa muito importante: devemos fazer aquilo que nos faz feliz ou que o nosso coração manda.

Além disso, a velocidade com a qual você envelhece é determinada pela sua herança genética. E o que será essa tal de herança genética? é uma característica que os seus bisavós, avós e pais apresentam e passaram a você. Assim, se seu avô e sua avó vivem muito, são bem velhinhos, você pode se preparar porque é bem provável que você vai viver por longos anos!”

E se cuidar também é legal para dar uma ajudinha à genética!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *