Por que nós somos animais?

Provavelmente, você já ouviu falar que, assim como os cães, gatos, elefantes e pássaros, nós também somos animais. A própria palavra “animal” já resume bem isso: “anima” em Latim se refere à energia que dá movimento a tudo que é vivo, sendo que há quem traduza “anima” por “alma” ou “sopro de vida”. Ou seja: um “animal” é um “ser que vive”. Mas, para falar um pouco mais sobre essa pergunta que a Tatiana nos deixou pelo site, falamos com Bernardo Gontijo, que é professor do Instituto de Geociências da UFMG.

“Somos animais, em primeiro lugar, porque possuímos vida! Ou seja, nós somos capazes de transformar a energia que nos é oferecida pelo meio em algo que nos faz continuar vivendo e gerar descendentes. Assim como os demais seres vivos, todos nascemos, vivemos e morremos. Os seres vivos são muito numerosos e bastante diferentes entre si, o que faz com que tenhamos de dividi-los em cinco grandes grupos, ou reinos, para que possamos tentar saber quem são, estudá-los, entender como vivem, onde vivem, e por aí vai.

E quais são esses cinco grupos? São o das bactérias, o das algas e protozoários, o dos fungos, o das plantas e, finalmente, o dos animais. Existe também o grupo dos vírus, mas ainda não se chegou a um acordo para se considerar se eles são de fato seres vivos ou não.

Então… nós pertencemos ao reino, ou grupo, dos animais. Mas por quê? Somos animais porque também possuímos algo em comum com todos os outros animais – somos formados por muitas células, e elas possuem um núcleo protegido por uma membrana. Nos reproduzimos quando as células reprodutoras masculina e feminina se encontram e formam a “célula-ovo”. A partir daí, vamos nos modificando até nos tornarmos aquele ser que é bem pequenino quando nasce.

Somos apenas uma entre milhares de espécies de animais que existem – a espécie humana – que tem o nome científico de Homo sapiens. Enquanto animais, somos tão importantes como qualquer outra espécie deste planeta. É por isso que devemos fazer tudo para que todas as demais espécies de animais, e também dos demais seres vivos, tenham o mesmo direito de continuar vivendo que nós temos.”

Bacana, né? Agora você sabe que viver em harmonia e respeitar os outros animais faz parte da boa convivência de um ser humano consciente!

Ilustração de Rafael Coffee Parreiras

6 thoughts on “Por que nós somos animais?

  1. Legal, mas sinceramente, discordo. Animais são animais, o conceito de animal é claro, apenas pra diferir pessoas de seres que chamamos de animais. O que seria da palavra ‘animal’ se usassemos pra todos os seres? Ela perderia o sentido. Portanto, não, não somos animais, Somos pessoas e o rótulo serve apenas pra diferir nós de outros seres, nós e os animais. Sobre animar algo, energia é na matéria, mas a vida vai além disso, ou melhor, você tem vida, a matéria (seu corpo) é o seu corpo, tem energia, mas é você que controla ele.
    Obrigado, paz e luz!

    1. Bacana sua resposta, mas sinto muito em lhe contradizer. Somos animais sim, a diferença é que somos mais inteligentes e raciocinamos melhor que os demais. Todos os seres vivos presentes no planeta Terra são animais.

  2. Nós somos animais,nós SOMOS,podemf alar que somos humanos diferente dos demais,podemos falar isso,mas humano é um animal com mais inteligencia que os demais,só isso,ainda é um animal,”perderia o sentido”,porque? Usamos para todos os seres,menos insetos que chamamos de insetos,e plantas que chamamos de plantas,tipo,todos os seres vivos são animais,mas chamamos todos com nomes diferentes,humanos de humanos,mas somos animais,insetos deinsetos,mas são animais,plantas de plantas,não sei se são animais,mas,ela nunca vai perder o sentido pois falamos diferente o nome de todos… Mas sim,somos comc erteza animais :c

  3. Acho que somos animais por que antigamente tínhamos as mesmas necessidade que os animais que eram:comer, dormir e se multiplicar. Agora que nós evoluímos também precisamos de outras necessidades que é conforto,estudo,amigos, diversão, trabalho, etc. Por ISSO, apesar de diferentes, acho que ainda somos animais.
    Samuel 11 anos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *